terça-feira, 18 de dezembro de 2007

Fechei o coração para reparações
E não mais voltei para o procurar.
Desconheço há muito as suas condições,
Pois esqueci o caminho para o encontrar!

19 Comments:

Blogger andorinha said...

Segue a tua voz interior e acabarás por o encontrar:)

Beijo*

18/12/07 19:06  
Blogger Lux Caldron said...

O problema é que essa vozinha interior tem a mania de me dizer insistentemente para me manter longe de complicações... Quanto muito teria de aprender a ignorá-la!

Dark kiss*

18/12/07 21:51  
Blogger andorinha said...

Mas queres não ter complicações ou não ter coração?:)
O que será preferível?
(Provocaçãozinhada minha parte)
:)

18/12/07 23:47  
Blogger Lux Caldron said...

Pois... talvez o melhor mesmo fosse não ter coração. As dores de coração trazem tantas complicações...

Dark kiss*

PS: E depois há as terriveis doenças cardio-vasculares... já um gajo não pode comer carne com fartura, ovos estrelados todos os dias e tudo às custas do colesterol! É triste...

19/12/07 02:20  
Blogger Frankie said...

Huuum, eu ia responder uma coisa mas acho que não tenho lata, se não amanhã já tenho aqui um "sermão" da minha Andorinha ;)

Mas, mesmo não dizendo o que o poema me sugeriu à partida, não posso deixar de dizer que te compreendo muito bem e que gostei. Muito.

Dark kiss*

19/12/07 11:52  
Blogger andorinha said...

Lux,
:)
Deixemo-nos de tretas: Sem o coração com as alegrias e tristezas que nos provoca, a vida pouco sentido teria.
O que seria uma vida sem emoções?

Frankie,
Sermão? Até fico ofendida...:)
Sou totalmente a favor da liberdade de expressão, por isso, nada de auto-censura.

Beijinhos aos dois.

19/12/07 18:47  
Blogger mariazinha said...

toca a procurar, pá... para não correres o risco de qualquer dia nem saberes se estás vivo.
As dores do coração fazem parte do pacote ;)

beijos*

19/12/07 19:26  
Blogger Lux Caldron said...

Andorinha

Certo... mas as emoções a que me refiro (é lógico e já o referi que existem muitas alegrias na minha vida e estou grato por elas) tem sido muito mais negativas que positivas, isso faz com por vezes me retraia e afaste de algumas situações.

Dark kiss*


Frankie

Podes dizer o que quiseres :) E agora que começaste tens de dizer. Já viste que a tua Mummy é uma mummy muito à frente e não é de sermõe mas se mesmo assim tiveres medo do que ela possa dizer basta que digas no comment para não publicar que eu não publico :)

Dark kiss*

19/12/07 19:32  
Blogger Lux Caldron said...

Eu tento mas não o encontro. Acho que ele está bastante diferente daquilo que era...

Dark kiss*

19/12/07 19:35  
Blogger Frankie said...

Olá "meninos!"

Cá estou eu outra vez!

Claro que eu estava a brincar quanto à história dos sermões.
Se não deixei aqui escrito o que me passou pela cabeça foi porque estava num "mood" altamente melodramático (sim, eu tenho destas fases volta e meia) e, portanto, o mais provável era vir para aqui dizer:
"Eh pah como eu te compreendo... Nem imaginas como me apetece arrancar o meu do peito"
(coisas desse género)

Dark kiss*

20/12/07 08:58  
Blogger Frankie said...

Huuuuuuuuuuuuum, e já agora, isso do "não o encontro" é uma grande tanga que nos andas a tentar dar, menino!

Basta ler-te com atenção para perceber que o tens e que ele é bem atraente, por sinal!

Por isso juizinho e nada de dizer essas coisas ;)

Dark kiss*

20/12/07 09:01  
Blogger Frankie said...

*ups*

Estava eu com "medo" de sermões e afinal quem acabou por te passar um "raspanete" fui eu -_-''

*sorry*

;)


E, mais uma vez
Dark kiss*
(A tua sorte é que eu normalmente não uso baton, se não ficavas aí todo marcadinho!)

Ai, credo que "piada" mais seca e degradante!
Estou MESMO a precisar de férias!

20/12/07 09:03  
Blogger Lux Caldron said...

Tu és demais!

Essa do baton deixou-me sem resposta...

Dark kiss*

20/12/07 15:27  
Blogger Bruxinhachellot said...

"Pois esqueci o caminho para o encontrar!"

Marque se caminho com contas azuis repletas de bons sentimentos e nunca mais o esquecerá.
Vim desejar-lhe um natal tranqüilo.

Beijos natalinos.

20/12/07 16:40  
Blogger Frankie said...

É... Volta e meia tenho esse efeito as pessoas: deixo-as sem palavras.

-Normalmente é naquela altura em que ficam a pensar: "Oh céus, como é possível uma pessoa só dizer tantos disparates em tão pouco tempo?!"-

Dark kisses*

20/12/07 17:06  
Blogger Ana said...

Espero que o encontres em breve... É que para seres feliz, precisas dele!! Sim, às vezes também traz dor mas sem ela não apreciaríamos tanto os momentos de felicidade!!!

20/12/07 20:45  
Blogger Lux Caldron said...

Ana

O que me vale é que tenho sempre as tuas palavras de esperança a lembrar o lado bom da vida :)

Dark kiss*



Frankie

"Oh céus, como é possível uma pessoa só dizer tantos disparates em tão pouco tempo?!"... Era incapaz de pensar uma coisa dessas de ti... :)=



Bruxinha

Para a próxima faço isso :)

Dark kiss e boas festas também para ti.

20/12/07 21:20  
Blogger Ana said...

Ao ler as tuas palavras tive que soltar uma leve gargalhada... Às vezes sou/pareço utópica demais, não?? Mas acredita tenho os pés bem acentes na terra!!

21/12/07 18:17  
Blogger Lux Caldron said...

:)

2/1/08 17:42  

Enviar um comentário

<< Home

Free Web Site Counter
Free Counters